A invenção do Brasil na arte do século XIX e XX

No dia 24 de maio de 2012, o professor de História da Arte da Unicamp, Jorge Coli, fez uma  palestra na CPFL Cultura de Campinas sobre “A questão do realismo e intenções brasileiras na arte do século XX”. Apesar do título assustar um pouco, a exposição foi extremamente didática e prazerosa, abordando um tema muito pertinente: a invenção do Brasil nas pinturas do século XIX e XX. Segundo o próprio Coli, a nossa tradição cultural esteve marcada pelo não realismo, ou seja, a não observação. Os nossos artistas, escritores e intelectuais, portanto, viveriam num mundo imaginário e interior. Esta forma de encarar a arte e a vida marcaria nossa identidade e explicaria as distorções entre um imaginário de país, marcado por teses racistas, e a realidade de seu passado. O vídeo é um pouco longo, mas vale a pena assisti-lo.

http://www.cpflcultura.com.br/evento/a-questao-do-realismo-e-intencoes-brasileiras-na-arte-do-sec-xx-jorge-coli/

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Dicas Culturais, Questão Negra no Brasil, Textos de apoio com as etiquetas , , , . ligação permanente.

Deixar o seu comentário.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s